Acessibilidade:

Notícias - Sec. Desenvolvimento e Mobilidade

06 . 10 . 2017

Secretário busca possibilidade de posto de GNV no município

 

Na manhã da quinta-feira (05) o secretário de Desenvolvimento e Mobilidade Urbana, Dêninson da Costa, esteve reunido em Porto Alegre junto ao presidente da Sul Gás, Claudemir Bragagnolo. Na ocasião, o secretário falou sobre a possibilidade de Carazinho ter um posto de Gás Natural Veicular (GNV), segundo Dêninson, seria uma vantagem competitiva para o município em virtude da economia gerada pelo veículos alimentados pelos gás, além do baixo custo.

 

O presidente da Sul Gás confirmou a possibilidade, sendo que irá repassar a proposta para uma distribuidora que poderia atender Carazinho.

 

O que é GNV?

 

É a sigla para Gás Natural Veicular, ou seja, é o mesmo gás natural utilizado em residências, comércio e indústria, mas aplicado sob alta pressão em veículos automotores através de cilindros especiais. É um combustível alternativo, que pode ser instalado em qualquer veículo movido a gasolina, álcool ou flex, com carburador ou sistema de injeção eletrônica.

 

O gás natural que abastece veículos é o mesmo gás canalizado utilizado em residências, comércios e indústrias, porém armazenado e transportado sob alta pressão, em cilindros especiais. Atualmente, mais de 1,6 milhão de veículos com gás circulam pelo país e esse número vem aumentando rapidamente. Por ser um combustível mais barato e com alto rendimento, ele se torna muito atrativo para frotas de empresas, veículos de carga, táxis e veículos particulares, aumentando e fidelizando a clientela dos postos que oferecem esta alternativa de combustível. A opção pelo GNV nos veículos é feita com a instalação de um kit de GNV, não sendo necessário abrir mão do combustível original, podendo o consumidor optar na hora do abastecimento ou, ainda, utilizar os dois, aumentando a autonomia do veículo.

 

Autor: Assessoria de Comunicação